Doença reumática afeta a produtividade de cerca de 87% dos doentes

26-12-2016

Doença reumática afeta a produtividade de cerca de 87% dos doentes

Foram no dia 19 apresentados os resultados do estudo Doenças Reumáticas: Produtividade, Empregabilidade e Saúde Social, promovido pela Plataforma PortugalApto.pt , que revelam que 87% dos doentes incluídos viram a sua produtividade afetada pela doença reumática e que, por cada doente ativo, o absentismo laboral total é superior a 9 horas semanais.

De acordo com Augusto Faustino,  coordenador da plataforma PortugalApto.pt, este estudo teve como objetivos “avaliar a relação direta entre as doenças, o absentismo e as reformas antecipadas, bem como identificar medidas que promovam a melhoria das condições de rentabilidade laboral numa perspetiva de defesa do doente, permitindo-lhe por um lado manter o seu trabalho e, por outro, efetivá-lo para que melhor se coadune com as suas limitações e capacidade individuais, motivadas em cada momento pela doença reumática”.

Fonte: http://raiox.pt/doenca-reumatica-afeta-a-produtividade-de-cerca-de-87-dos-doentes/

AUTORES