Artrite Reumatóide

Como prevenir?

Não se sabe como prevenir a AR. O surgimento desta doença resulta de uma interação complexa de múltiplos fatores genéticos, imunológicos e ambientais, cuja influência exata na origem da doença ainda está por determinar.

Sabe-se que o tabagismo aumenta o risco de desenvolver AR com anticorpos anti-CCP positivos em indivíduos com suscetibilidade genética. Foi também observado em estudos científicos um risco aumentado de doença em ex-fumadores sem hábitos há mais de 10 anos. Não sendo o único fator relacionado com a doença, aumenta, porém, o seu risco e gravidade. Neste contexto, não iniciar hábitos tabágicos poderá ser uma forma de diminuir o risco de doença, não prevenindo o seu aparecimento na totalidade. Além disso, é de salientar que o tabaco constitui um reconhecido fator de risco cardiovascular, cuja suspensão traz um grande benefício na prevenção de eventos cardiovasculares, já de si mais prevalentes em doentes com AR.

Há outras causas e fatores de risco da doença possivelmente associados à AR (infeções, obesidade, exposição ocupacional óleos minerais, entre outros) cuja influência ainda permanece por comprovar.

Embora não se previna a AR, o diagnóstico e tratamento precoces, adesão ao tratamento e a adoção de certas medidas não farmacológicas, são da maior importância para prevenção das suas complicações.

Seguinte >