Objectivos Gerais

A Sociedade Portuguesa de Reumatologia tem como objectivos:

 

a. Colaborar com os outros Organismos Internacionais de Luta Contra o Reumatismo e fazer-se representar em Congressos, Jornadas ou reuniões similares, de Reumatologia e de temas científicos afins, nacionais e estrangeiros.

 

b. Promover a actualização dos conhecimentos reumatológicos, nomeadamente: realizando sessões coentíficas periódicas para apresentação e discussão de comunicações sobre assuntos de Reumatologia; colaborando com os Serviços de reumatologia na organização de Cursos de Reumatologia (de aperfeiçoamento e revisão, para especialistas; de divulgação para Clinicos Gerais; de iniciação para médicos recém-formados ou finalistas de Medicina); organizando reuniões de Reumatologia, a nível regional (Jornadas), nacional (Congressos Nacionais) ou Internacional (Congressos das Ligas Europeia e Internacional); efectuando ou patrocinando estudos epidemiológicos, estatísticos e outros.

 

c. Ser um Centro de documentação e informação reumatológica. Assegurar a publicação periódica e regular de um orgão de informação médica especializada, denominada "Acta Reumatológica Portuguesa", que é o orgão oficial da S.P.R. Difundir informações e estabelecer intercâmbio com as suas congéneres nacionais e estrangeiras, em particular com as afins da Reumatotlogia.

 

d. Fomentar o ensino e a investigação em Reumatologia. Criar bolsas de estudo em Centros idóneos, ou proporcionar a sua concessão por outras entidades, quando considerado de interesse para a investigação ou tratamento do Reumatismo.

 

e. Atribuir prémios científicos.

 

f.Defender o título de Reumatologista, em colaboração com a Ordem dos Médicos e as Autoridades de Saúde, promover o estreitamento das relações científicas e profissionais entre os membros da S.P.R.

 

g. Favorecer a criação de Centros Médicos de ensino, tratamento e investigação e profilaxia das doenças reumáricas e do Centro de Estudo e Investigação reumatológica, a cargo de médico especializado, nos estabelecimentos termais, indicados na crenoterapia do Reumatismo. Dar a sua colaboração às instituições, públicas ou privadas, interessadas ou cuja actividade seja de interesse ao estudo e profilaxia das doenças reumáticas e ao tratamento integral, correcto e especializado dos doentes reumáticos.

 

h. Propôr às Autoridades de Saúde que sejam consideradas de declaração obrigatória certas doenças reumáticas de excepcional inportância social.

 

i. Apoiar a acção da Liga Portuguesa contra o Reumatismo nomeadamente na planificação da educação social reumatológica das populações, em especial através de palestras e colóquios, com a colaboração dos meios de informação.

 

j. Liderar o processo de criação, desenvolvimento e acompanhamento do Plano Reumatológico Nacional que deve ser capaz de estimular os Reumatologistas e proteger os doentes reumáticos.